Faça uma busca

Google
 

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Evolução 240: Cryptolacerta e a origem das cobras-de-duas-cabeças

A descoberta de uma nova espécie fóssil de lagarto no sítio eocênico de Messel, na Alemanha, levou a maiores informações sobre a evolução dos anfisbênios (Amphisbaenia), as cobras-de-duas-cabeças, na verdade um grupo de lagartos sem pernas cujas relações evolutivas exatas eram muito duvidosas. Alguns indícios apontavam para um parentesco com as cobras, enquanto outros indicavam um parentesco com os lacertídeos (Lacertidae), os lagartos mais comuns do Velho Mundo. O animal recebeu o nome de Cryptolacerta hassiaca, e o estudo de seus restos fossilizados levou a seus descobridores concluírem que o parentesco com os Lacertídeos parece mais plausível, ficando assim mais segura a formação de um supergrupo batizado de Lacertibaenia. A presença de diversas espécies primitivas de lagartos no Eoceno Médio centro-europeu também parece indicar que a evolução paleogeográfica da Europa no início do Terciário e final do Cretáceo, quando era um vasto arquipélago, levou à sobrevivência de uma série de grupos residuais.

Nenhum comentário: