Faça uma busca

Google
 

terça-feira, 22 de maio de 2012

Genealogia 631: os pais de Maria da Conceição Gonçalves

Minha ancestral Maria da Conceição Gonçalves, em seu casamento, em 8/1/1668, é dita filha de "Francisco Gonçalves e Maria Álvares". No entanto os registros de casamento na freguesia de São Miguel Arcanjo das Lajes, na Ilha Terceura, no período que cobre o final do século XVI até meados do XVII, parecem claramente ser registros copiados a partir dos originais, contendo inúmeros erros de transcrição. Tenho feito um levantamento aprofundado dos batismos em São Miguel Arcanjo até 1651, até o momento não encontrei o dito casal, e nenhum Francisco Gonçalves. Trabalho assim com duas hipóteses: que o Francisco na verdade seria Antão Gonçalves, tendo uma confusão na transcrição entre Antão e Fr.co / Fran.co, abreviatura de Francisco, ou que seria Pedro Gonçalves, confundindo-se Fr.co com P.º
Antão Gonçalves e Maria Álvares foram pais de:
1) Manuel (1º de nome), bat. 30/1/1628; Padrinhos:  Simão Rodrigues, filho de Domingos Pires, e Isabel Gonçalves, filho de Antônio Gonçalves;
2) Maria, bat. 19/2/1634 Padrinhos: Amaro Lopes, filho de João Lopes, e Antônia Lourenço, irmã da mãe do batizado;
3) Manuel (2º de nome), bat. 21/5/1637 Padrinhos: Antônio Gonçalves e Maria Vaz;
4) Bárbara, bat. 12/2/1645 Padrinhos: Antônio, filho de Antônio Gonçalves do Salto, e Beatriz Vieira, filha do Mestre Miguel.

Pedro Gonçalves e Maria Álvares foram pais de:
1) Antônia, bat. 18/6/1628, Padrinhos: Francisco Fernandes, filho de Antônio Fernandes, cavaleiro, e Isabel de Aguiar c/c Sebastião Pacheco;
2) Maria, bat. 21/12/1629, Padrinhos: Antônio Furtado, carreiro, e Maria Álvares c/c Domingos Gonçalves, das Fontinhas.
3) Joana, bat. 06/01/1634, Padrinhos: Gaspar Álvares, "seu irmão", e Francisca Fernandes, filha de Mécia Lopes, viúva.
4) Bárbara, bat. 30/10/1636, Padrinhos: Maria Álvares e Domingos  Gonçalves.

Maria da Conceição foi a segunda esposa de Amaro Dias Quaresma, com quem teve: Ana Domingues (também chamada de Ana Domingas, batizada em 23/10/1668, sendo os padrinhos Manuel Gonçalves, filho de Manuel Gonçalves, e Bárbara Vieira, filha de Domingos Vieira), Maria (batizada em 15/10/1670, sendo os padrinhos André de Melo e a parteira Ana Dias), talvez Catarina (dita filha de Maria Álvares, em 22/1/1673, padrinhos Manuel Dias e Maria de Freitas), Manuel ( batizado em 20/2/1675 , padrinhos Miguel Rodrigues? e Maria Faleiro), Isabel (batizada em  5/9/1676 , filha de Maria Álvares, os padrinhos Antônio Ferreira filho de Manuel Dias de aguiar, e isabel lucas filha de Salvador Lucas).

Nenhum comentário: