Faça uma busca

Google
 

quarta-feira, 4 de junho de 2008

Mitologia 21: Eos


Êôs (Grego Eólico Auôs) era a radiosa e bela deusa da Aurora e da Manhã, filha dos titãs Hyperion e Theia, e irmã de Hêlios, o Sol, e Selêne, a Lua. Seu nome remonta ao indo-europeu *H2euso:s "aurora, alvorada", cognata da romana Aurora (de *Auso:sa), do inglês east “leste”, Easter “deusa da primavera” (do germânico *Austra- < *Aus-ra-) e da indiana Ushâs. Como sua análoga indiana, com qual pode-se traçar muitos paralelos consistentes, era uma bela deusa jovem famosa pelos muitos relacionamentos amorosos como mortais.
Hesíodo a faz esposa do titã Astraios, com quem gera a Êôsphoros, a Estrela-d’Alva – também chamado de Phosphoros – e os quatro ventos, o glacial Boreas (Norte), o úmido Nôtos (Sul), o luminoso Euros (Leste) e o agradável Zephyros (Oeste). Entre os jovens rapazes que foram suas “vítimas” estavam o príncipe troiano Tithônos, de quem gerou os guerreiros Memnon e Hêmation; Kleitos, neto de Melampous, de quem gerou Koiranos; e finalmente o ateniense Kephalos, por quem a deusa matutina apaixonou-se perdidamente e gerou na Síria o radiante Phaêthon (uma versão alternativa à tradição que faz dele um filho do Sol).

Arte: Vítor Santos (2005)

Nenhum comentário: