Faça uma busca

Google
 

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Etimologia 43: Flamengo



FLAMENGO - 1. "da cor da chama, vermelho, flamíneo", derivado de flama, do latim flamma "chama". Pertence a uma família palavras com o significado ligado a "chama, fogo, luz, brilho, queimar, brilhar, arder", remontando à raiz indo-européia *bHleg^-, bHelg^- "queimar, brilhar, chama", de onde o Latim flamma (<*flagma), "chama" (aliás, "chama" é a forma portuguesa derivada de flamma, enquanto "flama" é termo erudito, latinizante), fulmen "raio" (<*bHl.g^-mn.), fulmina:re "fulminar, queimar com o raio" e fulgur "relâmpago"; o Grego phlox "chama", phleg- "queimar"; o Inglês black "negro, originalmente, queimado".
2. Natural de Flandres. Deriva do holandês Vlaanderen "Flandres" (Inglês Flanders) , donde os derivados Vlaming (Inglês Fleming) e Vlaams (Inglês Flemish). A fonte é o toponímico germânico ocidental *Flaumandrum, derivado de *flauma- "inundação, terra inundada, alagada" (cf. Nórdico flaumr, Frísio flâm) com um sufixo de origem desconhecida -*andr- (possivelmente Pré-Germânico e Pré-Céltico). O termo *flauma- é afim de *flo:Duz "inundação" (Inglês flood, "inundação, dilúvio"), remontando ao proto-indo-europeu *plou-mo-, de um radical *pleu-, plou- "nadar, navegar, boiar, fluir", daí o Grego plôtos "navegável", plôein "nadar", o Sânscrito plava- "flutuar". A presença de navegadores flamengos em Portugal dará origem a muitos toponímicos, como a Ribeira dos Flamengos, na ilha açoriana do Faial, e à Praia do Flamengo, no Rio de Janeiro.

Nenhum comentário: